CPAN madness

Juro que só fiz um install Atom::XML no cpan:

*** Installing dependencies...

*** Your host cannot resolve the domain name 'cpan.org', which
probably means the Internet connections are unavailable.
==> Should we try to install the required module(s) anyway? [n]

Claro, o cpan.org não resolve, logo a ‘Internet’ está em baixo. Er, tou???

O Turismo de Da Vinci

Retirado da Esquina do Rio:

Agências turísticas norte-americanas estão a oferecer excursões aos pontos visitados pelo personagem Robert Langdon no romance «O Codigo Da Vinci» por 2290 dolares e a procura é surpreendente. Em Milão formam-se filas enormes na Igreja de Santa Maria Della Grazie para ver o original da «Última Ceia» de Leonardo Da Vinci, obra que no mesmo livro se diz mostrar Maria Madalena (e não um apóstolo) do lado esquerdo de Jesus Cristo.

Manifestações por SMS

O quê? Quem? Como? Manifestação? Onde? 🙂

A convocação de uma manifestação, via SMS, para protestar em Lisboa contra a decisão do Governo em proibir a entrada do chamado “barco do aborto” em Portugal criou uma situação pouco comum: eram quase tantos os jornalistas como os manifestantes.

Notícia no Público.

A tirania do e-mail

Muito, mas muito bom artigo sobre como usar ou melhor, como *não usar* o cliente de mail no trabalho e melhorar a produtividade. Falta também falar do IM, esse meio fabuloso de apanhar alguém para resolver algo, mas também serve para chatear ou interromper alguma coisa importante. Eu confesso que sou daqueles que não respeito o *away mode*. O melhor é mesmo desligar. Resumo:

1. Turn your email client off. Pick the moment at which you’ll be interrupted.
2. Never criticize anyone in email, and avoid technical debates. Use face-to-face meetings or ‘phone calls instead.
3. Be judicious in who you send email to, and who you copy on emails.
4. Observing some formality is important.
5. Don’t hesitate to review and revise important emails.
6. Remember that email is a public and permanent record.

Cuba

Realmente, não entendo porque é que insistem em fugir do paraíso chamado Cuba. São uns ingratos, é o que é. (Disclaimer: sou dos que reconhecem que o embargo americano é o que melhor serve os interesses de Fidel).